Faculdade de Fotografia

Todos os sites, que pesquisei antes de entrar na faculdade, davam o conselho de estudar por conta própria, pela internet, livros, praticar bastante, e durante 3 anos essa foi minha rotina, internet, videos, grupos e prática diariamente, mas a vontade e curiosidade me levou a fazer um curso em 2014 no Senac onde aprendi tudo que eu já sabia…
Mas além disso pude ter contato com diversas áreas, e esse foi o lado bom do curso, me mostrar um caminho a seguir, depois de um tempo me veio aquela super dúvida.
#qual faculdade fazer?
Como já havia feito um curso de marketing, fiquei em dúvida se aquela seria uma boa opção. Mas a curiosidade foi mais forte, e então escolhi a faculdade de fotografia, e ai me deparei pesquisando em blogs novamente, e nada havia mudado, todos dizendo para estudar por conta, mas continuei, e prestei para fotografia, e ganhei a bolsa 100% (EBAA!)
Hoje já tenho um semestre do curso e posso dizer, façam a faculdade de fotografia!!. O contato diário com quem pensa como você, o contato com fotógrafos experientes, e com diversos equipamentos, trás uma ótima bagagem.

E já aproveitando o assunto vou indicar para vocês os valores do curso e algumas universidades que tem esse curso em SP, no meu caso faço tecnólogo que é 2 anos mas existe o bacharelado que são 4 anos.

Belas Artes
Duração de 2 anos
 
Senac
Bacharelado Senac

Tecnólogo Senac

Curso livre Senac

Estácio
Duração entre 2 e 3 anos

Unip
Duração de 2 anos

Panamericana 
Duração de 1 ano e meio

Mensalidade
 Varia de (R$ 400,00 de R$ 400,01 a R$ 700,00  de R$ 700,01 a R$ 1.000,00)
Até ( R$ 1.000,01 a R$ 1.500,00  acima de R$ 1.500,01)
Os valores acima não está incluso descontos.
Espero que tenham gostado da minha experiência, e caso tenha alguma dúvida pode cometar, ou me chamar no insta @flaviazanvettor e acompanhem aqui o blog, sempre postarei novidades e dicas para vocês. Beijos!!

Ensaio fotográfico com amigas <3

Antes de tudo , deixa eu perguntar : Gosta das minhas postagens? Então passa no meu blog e veja um pouquinho mais de mim é só clicar aqui!

Hoje tirei o dia para bater algumas fotos e chamei minha melhor amiga e minha irmã e meu queridissmo Carlos que já postou no meu blog e agora tem o seu blog para conhecer é só CLICAR AQUI ! 

Não teve nenhum tema especifico , só pedi pro Carlos arrumar as meninas e fomos em busca de algum lugar legal pra tirar as fotos.

IMG_4529

IMG_4532

IMG_4555

IMG_4594

IMG_4663

IMG_46442

IMG_4571

É isso ai pessoas, prometo que sempre que der e eu tirar umas fotos legais eu mostro pra vocês

Um Beijo

ds

Fotografia nos primeiros passos : ISO

ISOmescladoOi pessoal !!

Neste post falaremos sobre o ISO que é tão importante quanto a Abertura do Diafragma e  a Velocidade do Obturador mas antes quando ainda não sabia usá-lo era sempre no automático a câmera que dizia o quanto eu usaria e quando e por isso poucas fotos obtiveram o resultado que eu desejava, e acredito que muitos de vocês tem um certo receio de usá-lo também, e para isto temos que entender o que é o ISO.

O ISO sigla de (International Standards Organization) mede a sensibilidade do sensor.
Geralmente aumentamos o ISO quando a cena está escura, quanto mais sensível (com o ISO maior) mais a câmera se esforçará para obter informações da cena é como se ela precisasse de uma força extra para “enxergar melhor”.

Devemos usá-lo quando nos for preciso. E também podemos usá-lo como uma forma de compensação em uma situação em que não temos como abrir o diafragma ou diminuir a velocidade.
Ex: Minha velocidade do obturador está alta fazendo com que a foto fique mais escura e nesta situação devo e posso usar o ISO? A resposta é sim… Pois se você diminuir a velocidade correria o risco de fazer a foto borrar.

iso (1)

Bem com o ISO temos um vilão, conhecido como ruído, que em muitas fotos podem causar uma má impressão, mas que dependendo da intenção do fotografo não irá atrapalha-lo de modo algum

O ruído é grãos, pontinhos brancos na foto e que geralmente é causada pelo ISO. Mas que nem sempre estraga a foto pois…
O ruído só aparece em áreas de sombra, mas se a tua foto estiver bem iluminada será quase imperceptível.iso

Bem.. agora tendo em mente as três pontas do triângulo ( Abertura ,Velocidade e ISO) podemos continuar com a série .. o próximo post será Iluminação – Balanço de branco

Siga o blog nas redes sociais e minha pagina/blog pessoal :

Facebook | Twitter

Flavia Zanvettor| Tumblr

Fotografia nos primeiros passos: Velocidade do obturador

velocidadedoob

 Hoje continuamos com a nossa série “fotografia nos primeiros passos” com o assunto ” Velocidade do obturador”.

O obturador é uma cortina dentro da câmera que protege o sensor e é por ele onde a luz passa e atinge esse sensor da câmera. E a tarefa do fotógrafo é regular a velocidade em que esta cortina ficará aberta para que
entre a quantidade de luz desejada.

obturador

A  velocidade que essa cortina  “abre e fecha” é medida por segundos, representados por (s) indo das frações de segundos até  longas exposições de minutos e horas.
Ex: 1/100s  ( Um segundo dividido por 100) , 5s (Cinco segundos) velocidade Velocidades Baixas : Podem ser essenciais em situações com pouca luz, pois o obturador ficará aberto por mais tempo deixando entrar mais luz. Porém, conforme se estende a exposição, aumenta
o risco da câmera ou do assunto se moverem e a foto sair tremida ou borrada , portanto, se for usar velocidades baixas use um suporte para a câmera. Ex: tripé.

Velocidades altas: Elas congelam o movimento do motivo em alta velocidade, mas precisam de mais luz. Podendo usar: Luz natural, Flash ou um ISO alto.

1830-shutter-speed

E com uma velocidade mais baixa podemos criar fotos como por exemplo,  light painting que em um próximo post, darei dicas de como fazer.

7

Ah pessoal,  antes de ter a minha câmera usei muito este site aqui ele é um simulador de câmera e super recomendo, apesar de ser em inglês da para entender e treinar.

Espero que tenham entendido! Qualquer duvida deixe um comentário.

Siga o blog nas redes sociais e minha pagina/tumblr :

Facebook | Twitter

Flavia Zanvettor| Tumblr

Fotografia nos primeiros passos

fotografia546894

Oi pessoal… eu estava já a algum tempo sem postar aqui no blog, porque estava sem o meu computador. Mas agora estou de volta e com novidades…

Fiz o meu tão esperado curso de fotografia no mês de outubro – dezembro de 2014 no Senac Tatuapé e aprendi muito! com saídas, e muitas aulas práticas, foi super divertido , durante o curso tive uma grande vontade em compartilhar tudo que aprendia, mas só agora consegui  tirar o projeto de séries, do papel que é o: “Fotografia nos primeiros passos”  irei falar sobre os principais conceitos e técnicas que devemos saber para poder manusear bem a câmera e tirar boas fotos.

São eles:

  • Exposição
  • Abertura do diafragma
  • Velocidade do obturador
  • ISO
  • Balanço de brancos
  • Profundidade de campo
  •  Distancia focal

Espero que gostem e acompanhem os próximos posts, Beijos …

Siga o blog nas redes sociais e minha pagina/blog pessoal :

Facebook | Twitter

Flavia Zanvettor| Blog Pessoal

Minha Opinião : Fotografia : Além da lente.

Esses dias esperando um ônibus eu comecei a observar uma menina ao meu lado tirando uma “selfie” que só passou ser chamada de selfie no ano passado , mais que todo mundo já tirava a postava várias no orkut. Em uma aula do meu curso de fotografia nós tínhamos que tirar fotos de uma modelo que a escola tinha escolhido e falar as ‘poses’ para ela. Fiz o que me pediram ,claro, estava lá para aprender e absolver tudo que o curso podia me dar,mas preciso confessar que é a aula que eu menos apreciei no curso todo, não por causa da escola , nem pela modelo mais sim pelo fato de ser tudo ‘ forçado e ensaiado’ . Nada contra de books internos, ensaios fotográficos em estúdios e tudo mais , só que EU gosto de ver as fotos de um outro angulo. Gosto de apreciar uma foto de um sorriso espontâneo que provavelmente tem um motivo para estar ali, não pelo simples fato de sorrir como uma coisa automatica que nós fazemos para dar curva aos nossos labios e tentar sair bem na foto. Gosto de ver casais se abraçando espontaneamente , as vezes um agradecimento por algum presente? uma declaração? um pedido? gosto de ver a verdadeira emoção , gosto de apreciar a felicidade bem exposta em uma boa fotografia.

IMG_3698

Foto superexposta porém pude fotografar a risada super empolgante da minha amiga no dia do nosso trote.

Risadas - Meu trote sobre profissões ( meu amigos estava de motorista/mafioso/juiz? rs)

Risadas – Meu trote sobre profissões ( meu amigos estava de motorista/mafioso/juiz? rs)

Como disse nada contra ensaios internos e tudo mais , só que me agrada muito fazer fotos quando eu vejo o motivo do qual o cliente quer que esse momento seja guardado. A fotografia tem amplos espaços para serem trabalhados, da publicidade a fotografia de cenas de crimes ,do retrato 3×4 a books fotograficos, cada uma com sua especificação ,cada ‘setor’ mostra um sentimento diferente, e eu gosto mesmo é daquele que podemos ver esse sentimento, gosto de fotografar uma reação de um pedido de casamento, a felicidade de passar no vestibular da tal faculdade dos seus sonhos, a emoção de trazer uma criança ao mundo , um abraço amigo, esses sentimentos que não é toda hora que nós vemos por ai e em qualquer lugar. Se eu pudesse viveria disso, fotografia só isso , mas cada um é cada um . A fotografia pode nos trazer aquele sentimento de nostalgia e saudade e ao mesmo tempo de felicidade de ter vivido aquele momento em que a fotografia vai guardar até seu papel começar a envelhecer assim como a lembrança , mais que mesmo velho vai estar ali , sempre conosco.

E é isso ai, minha opinião,MINHA, e quis compartilhar com vocês.

Um beijo e até ❤

Mito do Megapixel

Olá pessoal.. hoje venho trazendo um mito bem conhecido e falado por vendedores de lojas de celulares e câmeras onde o lema é… “Quanto mais mega pixel melhor será a qualidade da imagem”. Errado! e por conta disto ser errado, trago este post para explicar a real função do pixel .

Pixel, megapixels e resolução
Antes de entender qual é a importância da quantidade de pixel para uma imagem, é preciso entender o que são eles. Ao ampliar uma imagem no computador,vemos que ela é formada por milhares de quadrados.    Esses pequenos quadrados somados resultam em uma imagem digital nítida, como você observa no exemplo:

 pixelss
E por que mais megapixels não significa maior qualidade de imagem?
A realidade é que a resolução de uma imagem não está diretamente ligada à sua qualidade. A imagem de uma câmera digital é feita através de um sensor, que faz a captação de luz do objeto fotografado e vai transformar essa informação em pixels, gerando a imagem digital.

Câmeras profissionais ou semi profissionais têm sensores melhores e mais complexos (até porque têm maior espaço físico para abrigar os sensores), e por isso produzem imagens melhores, mais nítidas e com cores mais vibrantes.

Por outro lado, câmeras compactas e de celulares têm sensores de qualidade inferior. Quanto mais megapixels o sensor é forçado a captar, mais calor ele produz, o que acaba gerando ruído na foto.
Por mais que a resolução seja maior, com maior número de pixels, a qualidade da imagem é prejudicada, o que os fotógrafos chamam de “granulação”. Isso acontece pois o sensor não tem capacidade suficiente para captar tantos pixels com a mesma qualidade.ruido
Quando o megapixel faz a diferença?
A grande questão é que a quantidade de pixels de uma imagem não tem influência sobre a qualidade da imagem, mas sim sobre a ampliação que será possível realizar com ela.
Só é possível notar a diferença entre as imagens caso você amplie uma determinada parte.

pixels

O marketing em cima dos números
As empresas fabricantes de câmeras digitais vendem seus produtos passando para o consumidor a ilusão de que quanto maior o número de megapixels, maior a qualidade do aparelho e isso justifica, assim, um preço maior.          Isso acaba gerando um padrão de que maior número em tecnologia significa um produto mais eficiente, o que nem sempre é verdade.

E afinal, que câmera comprar?
Ao buscar uma nova câmera, tire a quantidade de megapixels que ela suporta do primeiro item da sua lista.  Analise antes a qualidade do sensor de captação de imagem, a nitidez e definição de cores da foto que ela produz, a variação do ISO, a lente que ela possui e sua distância focal (onde irei explicar o que significam em próximos posts de dicas, e curiosidades)

Espero que tenham gostado e que acompanhem novas postagens

              Beijos até o próximo post…